As principais características de um empreendedor de sucesso são iniciativa, persistência, planejamento, contatos, capacidade de liderança e ser curioso por natureza.

Nesse artigo, você terá mais informações sobre as características citadas, além de um panorama geral sobre o empreendedorismo no Brasil e no mundo. Pronto para saber como ser um empreendedor de sucesso?

como ser um empreendedor de sucesso, empreendedor de sucesso

Segundo o dicionário online Significados, empreendedor trata-se daquele “que toma a iniciativa de empreender, de ter um negócio próprio. É aquele que sabe identificar as oportunidades e transformá-las em uma organização lucrativa.”

Pensando em facilitar o esclarecimento das suas dúvidas sobre o tema, no blog TIO Digital, você pode encontrar os assuntos do seu interesse com mais rapidez. Para isso, utilize o menu abaixo e aproveite os conteúdos do artigo.

Empreendedorismo no Brasil e no mundo

Atualmente, a tendência tem mostrado que a população brasileira continua empreendedora. Seja para driblar a crise, para conseguir uma renda extra ou para mudar a principal fonte de renda do lar, o empreendedorismo se mantém crescente no Brasil.

Em 2016 foi divulgado um relatório do GEM (Global Entrepreneurship Monitor) em parceria com o Portal Sebrae. A pesquisa tinha por objetivo avaliar o papel do empreendedorismo como principal propulsor do crescimento econômico no mundo.

Nesta pesquisa, o Brasil foi destaque na categoria intermediária de países. Ou seja, no País os negócios são impulsionados principalmente pela eficiência, onde se sobressai os avanços ligados à industrialização e ao ganho em escala.

Os países desenvolvidos buscam empreendimentos focados e impulsionados por inovação, categoria liderada por países como Estados Unidos, Austrália e Canadá. Todos com maior renda per capita e índice de desenvolvimento do que o Brasil, o que aponta a relação entre o tipo de empreendimento e o segmento no qual os empreendedores estão inseridos.

[rock-convert-pdf id=”128″]

Classificação dos países participantes da pesquisa

Desde 2008, como auxílio para apresentação dos resultados, os países passaram a ser classificados em três categorias distintas segundo o GEM.

Economias baseadas na extração e comercialização de recursos naturais, tratadas como países impulsionados por fatores, acompanhando a nomenclatura reconhecida internacionalmente.

Economias orientadas para a eficiência e a produção industrial em escala, que se configuram como os principais motores de desenvolvimento, denominados países impulsionados pela eficiência.

Economias baseadas na inovação ou simplesmente países impulsionados pela inovação.

Resumidamente, o trabalho desenvolvido pelo GEM possui três metas.

Medir diferenças no nível de atividade empreendedora entre os países, identificando os diferentes tipos e fases do empreendedorismo.

Descobrir os fatores que determinam, em cada país, seu nível de atividade empreendedora.

Identificar as políticas públicas que podem favorecer a atividade empreendedora local.

Como as startups contribuem para o empreendedorismo no Brasil?

As startups (empresas altamente focadas em inovação e com potencial de crescimento exponencial) têm impulsionado a economia brasileira. De acordo com a Startup Ranking, site especializado na classificação de startups, o Brasil ocupada a 8ª posição na categoria de país com maior número de startups, com 900 empresas cadastradas.

Entretanto, segundo a Associação Brasileira de Startups (Abstartups), o número é muito maior: com aproximadamente 4 mil startups associadas à instituição e cadastros de quase 40 mil empreendedores!

No CanalTech você pode conferir o ranking das 100 startups mais inovadoras de 2018. Que, inclusive, devem contribuir para a captação de investimento externo e para a evolução empreendedora do Brasil nos próximos anos. Devido em grande parte pela afinidade dos empreendedores nacionais com a área de tecnologia da informação, que permite que negócios sejam desenvolvidos sem grandes custos iniciais.

Segundo o empreendedor digital (Hora do Lar, IR sem Erro e TIO Digital), Maurício Garcias, a possibilidade de participar do desenvolvimento de serviços digitais para serem utilizados nacionalmente o anima.

“Nosso objetivo na startup sempre foi oferecer a melhor experiência de uso dos nossos serviços através dos aplicativos para smartphone, de modo que superassem as expectativas do cliente tanto em praticidade quanto em desempenho. Nosso foco é trazer facilidade sem abrir mão da segurança para a rotina dos nossos clientes. Vivemos num país onde cada vez mais as soluções são entregues através de gadgets, apps, softwares… Como empreendedor, é imprescindível estar antenado às tendências de mercado para entregar um produto ou serviço que realmente satisfaça uma necessidade do consumidor. ”

Para o sócio do Hora do Lar, uma plataforma web e mobile para gerenciamento dos empregados domésticos, 2019 será um ano focado no desenvolvimento de novos negócios e o aperfeiçoamento dos serviços já criados. Para ele, investir em planejamento e ter controle financeiro é essencial.

Tipos de empreendedor

Para conseguir chegar onde se deseja, é preciso compreender aonde se está. Por isso, as classificações a seguir podem te ajudar a entender como ser um empreendedor de sucesso. Confira.

 Empreendedor individual

Empreendedor individual é o dono do próprio negócio. Trata-se de pessoa física, o titular e responsável geral pela empresa, onde o patrimônio da pessoa física e do empreendedor individual são os mesmos. Neste caso, não há distinção de renda. Sendo ele, o responsável direto por quaisquer dívidas da empresa.

Perante a legislação do País, empreendedor individual se trata do empresário que fatura até R$81 mil por ano, de acordo com a Lei Complementar nº123, que vigora desde o dia 1° de janeiro de 2018. E que possua até um empregado. O empreendedor individual é enquadrado no sistema tributário do Simples Nacional, cujas alíquotas tributárias devem ser consultadas.

Empreendedor digital

Empreendedor digital é aquele que disponiliza seus serviços ou produtos por meio da internet para obter lucro. O e-commerce, por exemplo, ou comércio eletrônico é uma modalidade de negócio que permite inúmeras possibilidades ao empreendedor.

Consultores, artistas, varejistas, produtores de conteúdo e os mais diversos tipos de empreendimento podem ser ofertados na rede utilizando um site para vendas ou através de redes sociais, como Facebook, Instagram, Youtube ou mesmo o Pinterest, que pode ser utilizado como uma espécie de vitrine digital.

O e-mail marketing ou ainda ferramentas específicas para links patrocinados, como é o caso do Google Ads, também podem ser explorados nas estratégias de vendas do empreendedor digital. Inclusive, se você tem interesse em como anunciar grátis no Google, confira o artigo no blog Consultor SEO.

Leia também 5 coisas que todo empreendedor digital inciante deve saber.

Empreendedor social

Empreendedor social busca soluções inovadoras para problemas de um determinado contexto da sociedade. Neste caso, ele atua como um agente transformador, propondo soluções para impactar positivamente a sociedade.

Vale mencionar que as empresas sociais, possuem diferenças das ONGs ou das empresas comuns, visto que utilizam recursos de mercado que através de uma atividade lucrativa, também contribui para solucionar problemas sociais.

Empreendedor e empresário

Empreendedor e empresário são termos muitas vezes apresentados como sinônimos. Mas na prática, existe diferença.

Ser empresário é ocupar seu cargo na empresa gerenciando recursos e trabalhando para obter lucro e crescimento no negócio.

O perfil do empreendedor é diferenciado. Para ser um empreendedor, não necessariamente você precise abrir uma empresa. Um empreendedor pode empreender sendo ele um lojista, um advogado ou mesmo um personal trainer.

Afinal, ser um empreendedor tem mais haver com quem você é do que com o que você tem. Será que você sabe como ser um empreendedor de sucesso? Veja a lista abaixo algumas características presentes nesse perfil.

Características de um empreendedor de sucesso

Iniciativa: uma boa ideia é apenas um degrau da escadaria. Logo após, há a decisão continuar adiante, ou seja, tomar uma providência em relação a ideia. O empreendedorismo nada mais é que uma tomada de ação; uma boa ideia e a decisão de fazer algo a respeito.

Persistência: é preciso ter compromisso com o que você acredita, porque você vai falhar. Mas se você tiver persistência e for comprometido com seu objetivo, acreditar na sua ideia, você vai se reerguer. Persistência é uma característica necessária para o desenvolvimento de qualquer empreendimento. Por isso é importante pontuar: persistência se trata do seu comprometimento em assumir uma responsabilidade, é fazer uma promessa não desistir.

Planejamento: o planejamento serve para reduzir riscos e otimizar os ganhos, contribui para que se tenha perspectiva de crescimento baseada em fatos e dados. Muitas vezes, os empreendedores não obtêm o sucesso almejado justamente pela precariedade, ou ainda pela falta total de planejamento. É necessário levar alguns fatores em consideração: recursos a serem utilizados, investimento inicial, gastos fixos e variáveis, influências externas, oportunidades, demanda… Ter consciência do cenário geral é fundamental para assentar as ideias e decidir com inteligência as rotas a serem traçadas ou corrigidas.

Contatos: esta é uma característica muito utilizada em diversas situações no mundo empresarial. Seja na hora de comprar, vender, negociar preços, prazos, ou obter crédito ou financiamentos, de maneira geral você sempre estará em contato com pessoas. Por isso, é importante ter um networking diversificado.

Capacidade de liderança: de acordo com Neil Patel (o guru do marketing digital) é essencial valorizar a equipe. Afinal, seus funcionários são o principal ativo do seu negócio. Parafraseando Peter Drucker, cuide dos seus empregados e eles cuidarão dos seus clientes.

Curiosidade por natureza: você já ouviu dizer que conhecimento é poder? Neste caso, ainda mais. Quanto mais informações relevantes se têm antes de tomar uma decisão, maiores são as chances sucesso. Ser curioso é saber que sempre se pode aprender algo novo. Ter essa capacidade de aprendizado e humildade de reconhecimento é uma característica essencial para ser um empreendedor de sucesso. Estar atualizado constantemente e embasado por dados e informações relevantes sobre o mercado e o seu empreendimento é vital.

Portal do empreendedor

Portal do empreendedor nada mais é que um site do Governo Federal focado em orientar novos empreendedores. Para tanto, o Portal oferece diversas informações revelantes sobre os tipos de empresas no Brasil.

Dentre as informações divulgadas, você encontra a natureza jurídica, os requisitos, benefícios e impedimentos possíveis. Lá, você encontra todo o auxílio necessário sobre abertura do empreendimento, além da facilidade online de conseguir responder requisites à formalização do microempreendedor individual.

Você só muda sua vida quando muda alguma coisa que faz diariamente. O segredo do empreendedor de sucesso é encontrar sua rotina diária.

Se você achou esse artigo útil, acompanhe nossas novidades e publicações através das redes sociais. Assim fica muito mais fácil você se manter conectado às novidades que são relevantes pra você. Conecte-se com a gente.

Curta no Facebook.
Siga no Instagram.
Conecte-se no LinkedIn.


Diana Hada

Bacharel de Publicidade e Propaganda, com qualificação técnica em Assistente de Atendimento, Planejamento, Criação e Produção Publicitária no Centro Universitário Senac. Especialista em Inbound Marketing e Produção de Conteúdo para Web pela Rock Content; certificada em Redes Sociais pela Unieducar e em Comunicação Integrada de Marketing pela ESPM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *