O 13° salário é uma bonificação extra no final do ano concedida a todos os trabalhadores que tenham carteira assinada.

O contrato de trabalho intermitente foi uma grande modernização nas relações trabalhistas. Mas não é equivoco dizer que este novo modelo de trabalho ainda causa muitas.

As dúvidas permeiam, na sua grande maioria, sobre os direitos trabalhistas e também sobre o pagamento deles, assim como, acontece com o 13° salário no trabalho intermitente.

Se você quer saber mais sobre o décimo terceiro salário do seu trabalhador intermitente, está no lugar certo. Acompanhe abaixo como é feito o pagamento deste benefício.

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Regras do décimo terceiro salário

Conhecida como 13° terceiro salário, a gratificação de Natal foi instituída no Brasil pela Lei 4.090, de 13/07/1962. Nela, é garantido ao trabalhador o recebimento correspondente a 1/12 da remuneração por mês trabalhado. Ou seja, consiste no pagamento de um salário extra ao trabalhador no final de cada ano.

Pagamento do 13° salário

O pagamento da bonificação é feita em duas parcelas. A primeira parcela (adiantamento do 13º salário) deve ser paga ao trabalhador entre os meses de fevereiro e novembro (até o dia 30/11), no valor correspondente à metade do salário.

Já a segunda parcela deve ser paga no mês de dezembro, desde que não exceda o dia 20. O pagamento no mês de dezembro é obrigatório e as empresas devem seguir a risca esta regra.

conheça nossa soluçãoPowered by Rock Convert

13° salário no trabalho intermitente

O décimo terceiro salário é direito dos trabalhadores com carteira assinada e como vimos acima é comumente pago entre os meses de novembro e dezembro. Já no trabalho intermitente o pagamento não acontece nestes meses em específico.

Acontece da seguinte forma, após um período de trabalho o funcionário intermitente recebe seu pagamento, que é constituído por remuneração dia, férias proporcionais com acréscimo de 1/3, décimo terceiro salário proporcional e os demais adicionais legais que podem ser horas extras ou adicional noturno.

Dessa forma em todo pagamento o trabalhador recebe o 13° salário proporcional, ou seja, no final do ano o empregado não terá valor algum para receber referente a este beneficio.

A melhor gestão intermitente em um só lugar

Se você já é empregador intermitente sabe das gigantescas responsabilidades que esse contrato pode ter. Na verdade isso não é exclusividade do intermitente, entretanto neste contrato as regras são bem mais especificas e precisam ser seguidas a risca.

Para isso, nada melhor que uma plataforma para gestão dos trabalhadores intermitentes como o TIO Digital para ajudar a sua empresa.

Com a plataforma TIO Digital você convoca os trabalhadores, negocia o serviço que será prestado, emite o recibo de pagamento diário e ainda controla a jornada de trabalho através de um avançado aplicativo de ponto com leitura facial.

As funcionalidades do TIO são desenvolvidas com a mais alta tecnologia para que a sua empresa cresça com o trabalho intermitente. Descubra como podemos ajuda no seu negócio, conheça o TIO!


Kezia Amaro

Produtora de conteúdo no blog TIO Digital. Acadêmica em Publicidade e Propaganda pela Uninove. Especialista em CRO, SEO, Produção de Conteúdo, Blogs Corporativos, Custumer Sucess e E-mail Marketing pela Rock Content.

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *